Ocorreu um erro neste dispositivo

Translate

Follow by Email

04 janeiro, 2007

Ninguém dá prendas ao Pai Natal

SALDANHA, Ana (2002): Ninguém dá prendas ao Pai Natal, Porto: Campo das Letras (2ª ed. / 1ª ed.-1996) (Ilustrações de Joana Quental)

O Pai Natal, um velho e bondoso senhor que, na noite de Natal, distribui, alegremente, muitos presentes para todas as crianças do mundo. Um senhor de barbas brancas, que veste um fato vermelho e que sempre nos presenteia com um grande e lindo sorriso.
No entanto, Ana Saldanha, em Ninguém dá prendas ao Pai Natal, confere a esta figura um carácter um pouco mais inovador e diferente de tudo aquilo que já havíamos imaginado. A autora em questão apresenta a figura do Pai Natal através de uma nova perspectiva, a de um senhor triste e choroso porque ninguém lhe dá prendas.
Este cenário vai, contudo, sendo alterado pelo surgimento de outras figuras, de outras personagens vindas dos contos tradicionais e do maravilhoso, que se juntam num só espaço – a casa do Pai Natal no Pólo Norte. Sequencialmente, chegam a Capuchinho Vermelho, a Gata Borralheira, o João Ratão, a Bruxa da Casinha de Chocolate, a Raposa e o Lobo Mau e todos vêm com um grande objectivo: dar uma prenda ao Pai Natal. E é deste modo surpreendente e neste universo intertextual que toda a acção da obra se desenrola, uma estratégia e um cenário inovadores capazes de despertar e motivar o leitor para o fantástico mundo do maravilhoso e do imaginário e para as personagens que lá se movimentam.
Sem dúvida, uma narrativa notável, marcada por um humor subtil e por um final feliz, tal como acontece nos contos maravilhosos: “- Que prendas maravilhosas, digo eu. Todas elas. E principalmente, a prenda da vossa companhia, meus amigos.”
Ninguém dá prendas ao Pai Natal, um excelente presente não só para o Natal, mas para todo o ano, um presente para quem gosta de ler, para quem vê na leitura um bom caminho para o sonho, para o mundo do imaginário e para a partilha de valores como a amizade e a compreensão.

Natália Ferreira e Sandra Soares

Sem comentários: