Ocorreu um erro neste dispositivo

Translate

Follow by Email

28 setembro, 2006

Ouvir falar os livros



Realiza-se na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva, em Braga, nos próximos dias 10 e 11 de Outubro, a acção de formação Ouvir Falar os Livros.

26 setembro, 2006

1er. CONGRESO NACIONAL DE BIBLIOTECAS ESCOLARES

Numa organização da Junta de Castilla e León, com a colaboração da Fundación Universidad de Verano de Castilla y León e da Fundación Germán Sánchez Ruipérez, terá lugar em Salamanca, nos dias 18, 19 e 20 de Outubro de 2006, o 1º CONGRESSO NACIONAL DE BIBLIOTECAS ESCOLARES.


Programa e inscrições em:
http://www.funivcyl.com/cursos.asp?mes=10&pres=0&localidad=#ancla

Informação recebida via
Área de Formación del Centro Internacional del Libro Infantil y Juvenil Coordinador

Diploma Lectura, Literatura e Ilustración para niños y jóvenes - Universidad de Alicante

Press release from The Astrid Lindgren Memorial Award

133 candidates nominated to the 2007 Year Astrid Lindgren Memorial Award

133 candidates from all over the world are nominated to next year’s Astrid Lindgren Memorial Award. In total, 52 countries are represented among the nominees. All together 104 candidates have been nominated in the category of author/illustrator/storyteller, and 29 candidates in the category of promoting reading (organisations/projects/persons).
The list of candidates is available on the award website: http://www.alma.se/

Nominating bodies from around the world were invited in January to take part in the nominating process for the 2007 award. Next year, the prize will be awarded for the fifth time and the interest to participate in the process is increasing. A number of nations are participating in the process for the first time this year: Bolivia, Nigeria, Puerto Rico and Sierra Leone.

The jury will now work through the nominations until March next year, when the announcement of the award winner for 2007 will take place.

The 2006-year’s award winner was the American author Katherine Paterson.

Read more about the award and the nomination process on http://www.alma.se/
CONTACT

Larry Lempert, Chairman of the award jury
Phone: +46 (0)70 463 12 20
E-mail: mailto:larry.lempert@kultur.stockholm.se
Anna Cokorilo, Director, The Astrid Lindgren Memorial Award
Phone: +46 (0)8 519 264 00/08, +46 (0)70 602 51 15
E-mail: <mailto:anna.cokorilo@alma.se
Helene Komlos Grill, Information Officer, The Astrid Lindgren Memorial Award
Phone: +46 (0)8 519 264 00/06, +46 (0)73 360 46 94, fax: +46 (0)8 8 264 99
E-mail: mailto:helene.komlos.grill@alma.se%20
ABOUT THE AWARD

The Astrid Lindgren Memorial Award, established by the Swedish Government in 2002, is the world’s largest children’s and young people’s literary award. The annual international prize of SEK 5 million (equivalent to approx. USD 680,000, 540,000 Euros) may be awarded to authors, illustrators, narrators and promoters of reading whose work reflects the spirit of Astrid Lindgren. The object of the award is to increase interest in children’s and young people’s literature, and to promote children’s right to culture on a global level. The award is administered by The Swedish National Council for Cultural Affairs. Moreinformation: <http://www.alma.se/
Every year the jury invites nominating bodies from around the world to suggest candidates for the prize. The nominating groups are organisations and institutions with good overviews of authors, illustrators, storytellers and activities that encourage reading in their countries or regions. Every country in the world may make a nomination. The award jury also has the right to suggest candidates. No groups or individuals may apply for the prize or nominate
themselves. A list of the qualified nominators can be found at www.alma.se.
This year’s recipient of the award is the American author Katherine Paterson. Last years award winners were the Japanese illustrator Ryôji Arai and the British author Philip Pullman. Prize winner 2004 was the Brazilian author Lygia Bojunga. The award winners for 2003 were Austrian author Christine Nöstlinger and American illustrator and author Maurice Sendak.
Informação recebida via ANILIJ

Nova Editora Universitária

As publicações da AEUE são o resultado de investigações, manuais, monografias especializadas, edições de bolso, livros de texto, revistas, facsímiles, teses, obras de carácter institucional, que abarcam todas as áreas do conhecimento.

Informação recebida via ANILIJ

20 setembro, 2006

Máster Competência Comunicativa, Promoção e Animação Leitora

Modalidade Online - 120 créditos ECTS - Faculdade de Educação - Universidade de Extremadura (Espanha)


Objetivos:
- Formar a los alumnos en los aspectos claves que configuran el Máster,
como son la competencia comunicativa, la promoción de hábitos y
destrezas lectoras y la animación hacia la lectura propiciada por
mediadores expertos.
- Dotar al alumnado de recursos y estrategias metodológicas prácticas
para llevar a cabo actividades que redunden en la mejora de los niveles
lectores y el gusto por los libros.
- Preparar a los alumnos para que estén en condiciones de evaluar,
diagnosticar e intervenir en cualquiera de las habilidades lingüísticas,
tanto en circunstancias de normalización como ante dificultades y
trastornos.
- Actualizar y especializar en métodos, estrategias, recursos,
tratamiento de trastornos que inciden de manera diferente, pero
directa, sobre la lectura y su aprovechamiento didáctico.
- Habilitar en el desarrollo de programas y propuestas didácticas sobre
animación lectora en el ámbito tanto escolar como extraescolar,
haciendo uso de las distintas iniciativas institucionales en pro de la
Lectura.
- Conocer las posibilidades de las nuevas tecnologías aplicadas a la
promoción de la lectura, al desarrollo y recuperación de habilidades
lingüísticas y a la animación lectora con nuevas estrategias, recursos y
metodologías.
- Propiciar la investigación educativa con la elaboración y exposición de
materiales concretos para la evaluación e intervención.

Contenidos:
Bloque A: Competencia comunicativa
I.- El proceso comunicativo y sus características. 3,5 ECTS
II.- La lengua y su finalidad comunicativa. 3,5 ECTS
III.- Las habilidades lingüísticas como favorecedoras de la
competencia comunicativa. 3,5 ECTS
IV.- Evaluación y diagnóstico en los usos del lenguaje para conseguir
una comunicación efectiva. 4,5 ECTS
V.- Intervención en los usos del lenguaje para una comunicación más
efectiva. 4,5 ECTS
VI.- Materiales y recursos que redundan en una conducta
comunicativa eficaz. 3,5 ECTS
VII.- Estrategias para la estimulación y desarrollo de la
competencia comunicativa. 4 ECTS
Bloque B: Promoción y animación lectora
VIII.- Literatura infantil y juvenil. 4 ECTS
IX.-Competencia literaria y didáctica de la literatura. 3,5 ECTS
X.- Los nuevos horizontes de la lectura y la escritura. 4 ECTS
XI.- Evolución psicológica y maduración lectora. 4 ECTS
XII.- Hábitos lectores y animación a la lectura. 4 ECTS
XIII.- Lectura y sociedad. Talleres y Bibliotecas. 3,5 ECTS
El profesorado del Curso está constituido por profesionales de
reconocido prestigio nacional e internacional y de dilatada experiencia
en el ámbito universitario en las áreas de Psicología, Psicopedagogía,
Educación, Lengua, Literatura y Didáctica.
El Máster está dirigido por los profesores doctores D. Ángel Suárez
Muñoz y D. Eloy Martos Núñez de la Universidad de Extremadura. El
secretario es el profesor doctor D. Juan Manuel Moreno Manso, también
de la Universidad de Extremadura.
Evaluación:
Los contenidos llevan implícitos la realización de una serie de
actividades, controladas y evaluadas por los propios ponentes, que
deberán estar entregadas a la finalización de cada uno de los bloques,
siempre de acuerdo con las indicaciones que se planteen. La plataforma
virtual (AvUEX) permite hacer un seguimiento de la implicación del
alumnado (participación en foros, blogs, consultas al profesor, etc.) así
como conocer las veces que se accede a los contenidos del Máster,
aspectos todos ellos que serán tenidos en cuenta en la evaluación final. El
bloque práctico, previsto entre el primer y segundo año, supondrá la
entrega por el alumnado de una memoria de las prácticas realizadas, de
la que formará parte una propuesta didáctica de actuación. El periodo de
investigación será evaluado por cada profesor-tutor que haya sido
asignado al alumnado, primándose los criterios de rigor, originalidad,
profundidad y calidad científica con la idea de que el alumnado esté en
condiciones de diseñar futuras Tesis de Investigación.
Calendario:
Los diferentes bloques de contenidos que se incluyen en el Máster se
activarán tal y como se detalla en el cuadro adjunto, comenzando el 6 de
noviembre de 2006. Las actividades complementarias que cada profesor
pueda plantear se comunicarán oportunamente. Dado el carácter virtual,
el acceso será mediante clave, pero permanente, adaptado así a las
posibilidades horarias del alumnado.
PRÁCTICAS Mes de julio 2007
Del 1 de octubre de 2007 al 30 de junio de 2008
CURSO SEGUNDO Investigación
Créditos:
Primer Curso: Desarrollo de los contenidos teórico-prácticos que
configuran el programa del Máster. (50 créditos Ects)
Durante el mes de julio, entre el primer y segundo año, el alumnado
tendrá que realizar un periodo de dos semanas de prácticas obligatorias
en alguna entidad colaboradora (elegida por él, pero comunicada a la
Dirección del Máster, que dará el visto bueno). (20 créditos Ects)
Segundo Curso: Realización de un trabajo de investigación o propuesta de
intervención educativa sobre alguno de los contenidos abordados en el
Máster. (50 créditos Ects)
El Máster certifica 120 créditos ects.

Convalidaciones:
Tal y como establece el Art. 14 de la Normativa Reguladora de Títulos
Propios de la UEX `se podrán convalidar un tercio de los créditos u horas
lectivas por otros estudios previamente realizados. Estas convalidaciones
serán competencia del Director del Curso´. Por ello, el alumnado que crea
estar en condiciones de convalidar contenidos del Máster, lo solicitará al
inicio del mismo, dirigiéndose a la Dirección, que le indicará los trámites
que habrán de seguirse y la documentación que deberá presentarse
Admisión:
No hay periodo de pre-inscripción. Directamente se procederá a
formalizar la matrícula para la que se fija el periodo comprendido del 15
de Septiembre al 15 de Octubre de 2006. Se contempla un número
mínimo de alumnos de 20 y un número máximo de 50.
Es necesario estar en posesión de una titulación de Grado Medio o
Superior (Diplomado o Licenciado).
En caso de que el número de solicitudes supere al de plazas ofertadas, se
seguirá como criterio de selección el orden de matriculación.
Información y matrícula:
El importe total de la matrícula del Máster es 1800 €. Esta cantidad
podrá abonarse de una sola vez o en tres plazos:
Primer plazo: 800 € (al formalizar la inscripción al Máster: entre el 15 de
septiembre y el 15 de octubre de 2006).
Segundo plazo: 500 € (a la conclusión del primer cuatrimestre: del 14 al
28 de febrero de 2007).
Tercer plazo: 500 € (a la conclusión del primer curso: del 15 al 30 de
junio de 2007).
Los ingresos se efectuarán en la cuenta nº 0049.6744.44.2316155416
(Banco Santander Central Hispano). El resguardo original del documento
de ingreso bancario y el boletín de inscripción serán remitidos a la
Secretaría del Máster: Edificio Anexo. Despacho A-13. Facultad de
Educación. Universidad de Extremadura. Avda. de Elvas, s/n. 06071
Badajoz.
Toda la información relacionada con el Máster podrá consultarse en la
página
www.unex.es/eweb/gial . Asimismo, se facilitan los siguientes
contactos: Teléfono 924 289501 Ext. 6813;
E-mails: asuarez@unex.es y
emarnun@alcazaba.unex.es (Directores) o jmmanso@unex.es y
gial@unex.es (Secretario).
El curso podrá ser convalidado por créditos de Libre Elección para
estudios en cualquier Centro de la propia Universidad de Extremadura.
Los Títulos Propios de la UEX son reconocidos por la JUNTA de
EXTREMADURA en las convocatorias de oposiciones.

Clube de Lectores Kirico

Entre el todo vale y solo libros clásicos media una interesante producción de libros infantiles que las librerías ponen a nuestra disposición para ser disfrutados.
Contribuir a la selección de libros infantiles es lo que propone la web del club kirico: www.clubkirico.com

Elegir libros infantiles entre tanta sobreproducción puede suponer para los menos familiarizados con títulos y formatos un verdadero dilema que puede terminar conduciendo a los lectores, a los padres y a los mediadores a elegir cualquier cosa para leer.
Y entre el todo vale y solo libros canónicos media una interesante producción de libros infantiles que las librerías ponen a nuestra disposición para ser disfrutados.

Contribuir a la selección de libros infantiles es lo que propone la web del club kirico: www.clubkirico.com Un grupo de librerías pertenecientes a CEGAL, que ofrece en su web libros organizados por temas y por edades para facilitar la elección a los mediadores (padres, bibliotecarios y docentes) y a los propios chicos.

La web se dirige prioritariamente a los niños, entre 3 y 14 años, donde alrededor de la literatura se les propone entrar en un diálogo sobre títulos, personajes e historias paralelas. Escribir y hablar sobre sus intereses lectores y conocer noticias relacionadas con la literatura infantil.

La web pretende acercar la librería hasta sus casas y enseñarles un escaparate animado en el que hay mucho para elegir y donde cada lector puede encontrar su libro.
La página del club ofrece la posibilidad de imprimir unas etiquetas para colocar en el exterior de los libros y así tener la biblioteca personal organizada por temas.

Los padres también pueden encontrar propuestas útiles para fomentar la lectura en casa, ideas sobre cómo acercar los libros, qué regalar y cómo compartir emociones literarias. Los libros están ahí y las ganas de leer también. En la Web de Kirico hay muchas propuestas para leer y hablar de libros. Escuchar lo que dicen los niños, conocer un poco lo que leen y ofrecerles muchas ocasiones para entrar en contacto con los libros.

Esa es la propuesta de los libreros para no caer en el desánimo de muchos títulos y pocas nueces, ofrecer oportunidades para entrar en el reino luminoso y ancho de la lectura.

Informação recebida atrávés da ">ANILIJ

Estudos sobre o inconsciente e o sagrado - Da invenção da psicanálise ao fenómeno religioso - Universidade do Minho

9 de Outubro a 15 de Dezembro - Campus de Gualtar (Braga)

Duração normal do curso: 10 semanas - 70 horas de trabalho: 2,5 ECTS
Número mínimo de participantes: 10
O Curso tem uma duração de 10 semanas, com 2 sessões de 2 horas cada, por semana (40 horas presenciais), e decorre em horário a combinar em função da disponibilidade da docente e dos estudantes.
Inscrições
De 25 de Setembro a 6 de Outubro de 2006, na secretaria do Instituto de Letras e Ciências Humanas, campus de Gualtar

Horários possíveis:
1. sábado, das 9h às 13h
2. segundas e quartas, das 12,30h às 14,30h
3. terças e quintas, das 16h às 18h

Conteúdo e metodologia
O Curso apresenta algumas teorias elaboradas ao longo do século XX, nos campos da psicanálise e da antropologia, para explicar fenómenos culturalmente transversais, de ordem psíquica e social, como o sonho, a pulsão, a mitologia ou o ritual: Sigmund Freud, Carl Gustav Jung, Jacques Lacan, Claude Lévi-Strauss e René Girard. O Curso coloca as bases da teoria do psiquismo humano e da teoria da cultura elaboradas por Freud, identifica as vias pelas quais estas foram objecto de revisões e de interpretações críticas (Jung, Lacan) assim como de discussões e polémicas apaixonadas (Lévi-Strauss, Girard) e explica como cada uma destas obras trata questões como a origem da cultura, a relação do Homem com a natureza e com a vida, o(s) ponto(s) de ruptura ou de viragem que definem(m) a modernidade, e as funções que a sexualidade, a religião ou a ciência aí desempenham.
As sessões do Curso consistem na leitura de textos dos autores acima citados, na análise dos conceitos aí presentes e da interpretação que suportam, na compreensão da inscrição filosófica e epistemológica das teorias e da sua discussão e apreciação crítica.
Docente
A directora e docente do Curso é professora associada no Departamento de Estudos Franceses e a sua competência nesta área consubstancia-se em publicações, conferências e na leccionação, ao longo de 20 anos de carreira, de disciplinas de mestrado e de seminários no âmbito da formação contínua de professores.
Preço
Alunos UM, ex-alunos membros AAUM, docentes, funcionários: inscrição 20 euros; propina: 80 euros
Público em geral: inscrição 20 euros; propina: 150 euros
Para mais informações: calvares@ilch.uminho.pt

VII ENCONTRO DE LITERATURA INFANTIL - Canções de embalar: sons, vozes e afectos

Vila Real, UTAD 17 de Novembro de 2006


9.00 – Recepção de participantes e de convidados
9.30 - Sessão de abertura
Intervenções:

Coordenador do Encontro
Governador Civil
Delegada da Cultura, Presidente da Câmara,
Magnífico Reitor da UTAD

10.00 - 1º momento lúdico-musical:
Embalando berços de histórias e memórias

10.15 - Lançamento do livro Mitologia, Tradição e Inovação - (Re)leituras para uma nova literatura infantil
Apresentador: Fernando Azevedo (Universidade do Minho)

10.30 – Intervalo

11.00 - A importância da Música na vida da Criança
Mário de Azevedo (ESMAE)

11.30 - Canções de Mimar: Experiências e Vivências
Graça Bastardo (ESE Jean Piaget – V.N. Gaia)


12.00 - Partilha / Debate
Moderador: Carlos Nogueira (CTPP – Universidade Lisboa)

Interrupção dos trabalhos

14.30 - 2º momento lúdico-musical:
Embalando berços de histórias e memórias pelo "Coro da Escola dos Avós de Grijó" (V. N. de Gaia)

14.45 – Canções Contadas
José Manuel Couto (ESE Jean Piaget – V.N. Gaia), pessoas convidadas e público

15.30 – Intervalo

16.00 – Impregnar de Afectos a Vida e o Ser da Criança
Helena Pinheiro (ESE Jean Piaget – V.N. Gaia)

16.30 - Partilha / Debate
Moderador: José Barbosa Machado (UTAD)

17.00 – Encerramento dos trabalhos

Diferentes Leituras. II Encontro Nacional de Serviço Educativo


Apresentação

Uma Sociedade da Informação não é consistente sem uma Sociedade Leitora e é a leitura aquela prática cultural que permite aos cidadãos transformar a informação em conhecimento. A responsabilidade social da comunhão do conhecimento e da aprendizagem ao longo da vida acentua a importância da formação de mediadores, assim como dos utilizadores, dos serviços de Leitura Pública.
Neste II Encontro Nacional de Serviço Educativo em Bibliotecas Públicas, promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Paiva, com os apoios da Fundação Calouste Gulbenkian, Plano Nacional de Leitura e Instituto Português do Livro e das Bibliotecas, recupera-se o debate num encontro de estudos, projectos e experiências, em formato misto de intervenções teóricas, atelier com profissionais e um programa afim de espectáculos de teatro, narração oral e exposições.
Durante três dias e três noites, a partir do Auditório Municipal Carlos Paredes, intervêm as organizações que promovem o livro e a leitura, especialistas do Ensino Superior, bibliotecários, escritores e contadores de histórias, ilustradores e companhias artísticas, do País e estrangeiro.
Objectivos
-Divulgar novas possibilidades na relação de prazer com a leitura
-Difundir noções básicas sobre a compreensão leitora e a utilização de recursos técnico-expressivos
-Aferir o emprego de novas tecnologias em Serviço Educativo e Leitura Especial
-Apoiar a sedimentação de práticas educativas nas Biblioteca Públicas.
Público-alvo
-Profissionais e estudantes de unidades de informação e documentação
-Animadores
-Professores e educadores
-Dirigentes e técnicos de serviços e associações culturais.
Organização
Câmara Municipal de Vila Nova de Paiva Biblioteca Municipal Aquilino Ribeiro
Valor da inscrição
40 Euros: inclui a documentação, acesso a comunicações e oficinas, espectáculos e exposições, catering.
Dispensa de serviço docente ao abrigo do Despacho nº 185/92. Emissão de certificado
A inscrição é efectuada pessoalmente, por correio ou e-mail, sendo validada com o pagamento.
Cheques ou vales postais são endereçados ao Município de Vila Nova de Paiva
Inscrições
Auditório Municipal Carlos Paredes Município de Vila Nova de Paiva
Praça D. Afonso Henriques, n. 1
3650-207 Vila Nova de Paiva
Fax 232 601 030
Linhas de Apoio 232 518 924 ou 232 601 108
Programa
19QUINTA
09.00 Recepção e entrega das pastas
10.00 Sessão de Abertura Isabel Pires de Lima (Ministra da Cultura, a confirmar), Jorge Manuel Martins (Director do Instituto Português do Livro e das Bibliotecas), Manuel Custódio (Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Paiva)
11.00 Palestra Isabel Alçada (Comissária do Plano Nacional de Leitura). As Bibliotecas Públicas e o Plano Nacional de Leitura. Ler Mais
11.40 Palestra Manuel Carmelo Rosa e Maria Helena Melim Borges (Director e Subdirectora do Serviço de Educação e Bolsas da Fundação Calouste Gulbenkian). Programa Gulbenkian de Língua Portuguesa. Avaliação de projectos de promoção da leitura em Bibliotecas Públicas 12.30 Intervalo para almoço
14.00 Painel Berços de leitura
â–ª Ana Cristina Silva (Instituto Superior de Psicologia Aplicada). Ler antes de aprender a ler: a linguagem escrita antes do ensino formal e as suas relações com a aprendizagem da leitura
â–ª Teresa Leal, Joana Cadima e Maria José Alves (Universidade do Porto). O papel da literacia emergente na aprendizagem da leitura e da escrita
â–ª Vera Monteiro (Instituto Superior de Psicologia Aplicada). Leitura a par: efeitos de um programa tutorial no desempenho em leitura
â–ª Lucília Salgado (Escola Superior de Educação de Coimbra). A literacia da leitura no percurso escolar
16.00 Debate
16.15 Pausa para café
16.30 Oficinas [a seleccionar]
19.30 Intervalo para jantar
:: Teatro e Narração Oral
21.30 Teatro Matéria de Poesia (A Escola da Noite). Estreia do espectáculo de leitura encenada dos textos de Adélia Prado, Carlos de Oliveira e Manoel de Barros, num registo que experimenta os ‘deslimites da palavra’, as suas múltiplas inscrições no corpo e no espaço, a sensibilidade e a subtileza da palavra escrita. Direcção de António Augusto Barros.
22.30 Contadores de histórias
â–ª Manuel Garrido e Diego Magdaleno (Piratas de Alejandría, Espanha). Si yo te contara…
20SEXTA
:: Comunicações
09.00 Palestra António Prole (Instituto Português do Livro e das Bibliotecas). Literacia e formação de mediadores de leitura
09.45 Painel Jogar com a motivação leitora
â–ª Lourdes Mata (Instituto Superior de Psicologia Aplicada). O desenvolvimento da motivação para a leitura em crianças portuguesas
â–ª Fernando Azevedo (Universidade do Minho). Estratégias para a construção de uma comunidade de leitores
â–ª Sylviane Rigolet (Centro de Formação de Oliveira de Azeméis). A pedagogia do prazer na leitura numa viagem de sonho com LivrAniMaletas
11.15 Debate
11.30 Pausa para café
11.45 Palestra Maria Manuel Borges (Universidade de Coimbra). Xanadu e a mediação tecnológica da leitura
12.30 Intervalo para almoço
14.00 Painel Leituras em linha e cânones
â–ª Cláudia Sousa Pereira (Universidade de Évora). Game Over… o jogo recomeça na página seguinte
â–ª Francisco Pacheco e António Torrado (escritor). História do Dia. A experiência de contar na Internet
â–ª Paulo Leitão (Director de Serviços de Inovação e Desenvolvimento da Biblioteca Nacional). Biblioteca Nacional Digital: uma estratégia de difusão do património bibliográfico
15.30 Debate
15.45 Pausa para café
16.00 Oficinas [a seleccionar]
19.00 Intervalo para jantar
:: Teatro e Narração Oral
21.00 Teatro À Volta da Língua (Andante - Associação Artística) Clube dos poetas vivos, ou a poética sublimada na forma, no conteúdo e na sonoridade. De como os autores contemporâneos foram buscar as suas referências formais e de conteúdo aos clássicos. Afinal, a reinvenção da língua é um acontecimento quotidiano. Interpretação de Cristina Paiva.
22.30 Contadores de histórias
â–ª Tim Bowley (Inglaterra) e Charo Pita (México). Contos tradicionais indo-europeus e orientais
21SÁBADO
:: Comunicações
09.00 Palestra José António Calixto (Biblioteca Pública de Évora). Os papéis educacionais das Bibliotecas Públicas na Sociedade da Informação
09.45 Painel Serviços de proximidade e inclusão
â–ª Manuela Barreto Nunes (Universidade Portucalense). A Internet inclusiva: ambientes de aprendizagem, prazer, aventura e partilha em meio virtual
â–ª Emília Miranda (Netescrita) e José António Gomes (João Pedro Mésseder, escritor). Da escrita colaborativa à formação de uma comunidade de leitores-escritores em linha
â–ª Sérgio Tavares (Biblioteca Municipal Aquilino Ribeiro). Bibliotecas Digitais. Recursos do conhecimento para todos
11.15 Debate
11.30 Pausa para café
11.45 Palestra António Modesto (Escola Universitária das Artes de Coimbra). A construção da narrativa gráfica. Relações entre texto visual e texto verbal
12.30 Intervalo para almoço 14.00 Painel Sedução da leitura pela imagem
â–ª Danuta Wojciechowska (Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing). Dançar com palavras
â–ª Gémeo Luís (Universidade do Porto). Do texto ao livro
â–ª Dora Batalim (Clube de Literatura, Ilustração e C.ª). Cinco sentidos... e outros. Estratégias para formar leitores de imagens
15.15 Debate
15.45 Pausa para café
16.00 Oficinas [a seleccionar]
19.00 Intervalo para jantar
:: Teatro e Narração Oral
21.00 Teatro Contas Nordestinas - O Diabo Veio ao Enterro (Filandorra. Teatro do Nordeste). Recolhas etnográficas que retratam a vida do Nordeste português, “contas” [contos rurais transmontanos] de riso e de choro, de sangue e de cio, de afronta e vingança, onde os instintos irrompem poderosamente. Prelúdio do escritor A. M. Pires Cabral (Prémio D. Dinis 2006) e do encenador David Carvalho
22.30 Contadores de histórias
â–ª Bruno Batista. A menina que queria ser uma maçã e outros contos
â–ª Jorge Serafim. Conto, logo, insisto
:: Oficinas [a seleccionar, para 19 a 21 Out]
A Ana Cristina Silva (Instituto Superior de Psicologia Aplicada). Construir um projecto pessoal de leitor. Conceitos relacionados com a pré-leitura, a descoberta do princípio alfabético e as primeiras experiências de literacia. Actualização das práticas de promoção da leitura para públicos entre os 0 e os 6 anos [19 Out]
B Ana Rita Santos (Biblioteca Municipal Aquilino Ribeiro). Livros Digitais Falados DAISY. Tecnologias de sincronização audiovisual de texto e verbo numa ferramenta inclusiva de leitura multicanal. Propriedades educativas e estratégias de utilização por serviços bibliotecários [19, 20 e 21 Out]
C António José Vilas-Boas (Escola Secundária de Ermesinde). Leitura recreativa. O papel da escola na criação de uma comunidade de leitores. Métodos e técnicas para estimular o gosto da leitura, testados em ambientes escolares. Contratos individualizados, aconselhamento de leitores, fóruns de leitura [21 Out]
D Dora Batalim (Clube de Literatura, Ilustração e C.ª). O sentido da imagem. Intróito à leitura da ilustração. Um espaço e um tempo para observar livros ilustrados e experimentar como se inscrevem em nós os textos que a imagem comunica [21 Out]
E Emília Miranda (Escola E. B. 2.3 Pinto Ferreira). Netescrita. Experiências na Internet com crianças e jovens para a realização de desafios de auto-verificação, compreensão leitora, grupos de discussão, exercícios de escrita colaborativa com os Autores e publicação de textos [21 Out]
F Gisela Cañamero (Arte Pública). Com o corpo no poema. Vivenciar o texto, a percepção dos tempos, a fruição da palavra dita. A interacção do poema com o espaço, a arquitectura dos sítios e objectos. A criação de pequenas performances [19, 20 e 21 Out]
G Ju Godinho e Eduardo Filipe (comissários da Ilustrarte). Quem ilustra um conto... aumenta um sonho! A linguagem feita de formas, cores, texturas, simetrias e contrastes, que atraem à leitura crianças de todas as idades. Roteiro de ilustradores, de muitos estilos e técnicas, com ou sem texto, em papel e no computador [19, 20 e 21 Out]
H Lourdes Custódio (escritora) e José Cardoso Marques (ilustrador). A Biblioteca vai ao Pré-Escolar. Da biblioteca cinzenta à biblioteca de mil cores, histórias de encanto e imagens que espantam. Para pais ou Encarregados de Educação e crianças do Pré-Escolar, em comunhão de leituras [20 Out]
I Manuel Garrido, Diego Magdaleno e Sonia Martinez (Piratas de Alejandría, Espanha). Leitura Fácil. Difundir o conceito, analisar o tratamento biblioteconómico. Experiências de utilização em ambientes bibliotecários. O trabalho em grupo entre leitores com Necessidades Especiais e minorias [19 e 20 Out]
J Margarida Fonseca Santos (escritora). Escrever para ler? Se contar histórias aumenta a curiosidade por outras histórias, a prática conjugada da escrita terá o mesmo efeito sobre os livros mudos? Brincamos com palavras, significados, associações de ideias e imagens [19, 20 e 21 Out]
K Marta Martins (Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti). Viagens à roda das palavras. Competências leitora e literária. Análise de estratégias discursivas e recursos técnico-expressivos do texto literário para a infância e juventude. Um corpus textual de autores contemporâneos lusófonos [20 e 21 Out]
L Miguel Horta e Marco Franco (mediador de leitura e músico). Como dos sons nascem histórias. Oficina inclusiva de escrita criativa que se desenvolve a partir da capacidade de abstracção mediada por sons, que abrem cenários interiores de criação verbo-textual [19 e 20 Out]
M Sylviane Rigolet (Centro de Formação de Oliveira de Azeméis). Maletas de leitura. Vencer o medo inicial de tentar novas formas de intervenção, lúdicas, a partir de um projecto em teia. Formam-se colecções de materiais livro e não-livro que partem dos centros de interesses individuais [19, 20 e 21 Out]
N Teresa Leal, Joana Cadima e Maria José Alves (Universidade do Porto). Educar para a literacia em família. Na criança, a interpretação de histórias, a consciência fonológica e o reconhecimento de texto escrito. No adulto, competências para manter a atenção da criança sobre o livro, a leitura interactiva, o apoio à compreensão [21 Out]
O Tim Bowley (Inglaterra) e Charo Pita (México). Sementes ao vento, contos de ti. Os participantes trazem os ingredientes: um pequeno texto para animar, a disponibilidade do corpo e da voz. Acrescentam técnicas de caracterização e servem com humor [20 e 21 Out]
P Vera Monteiro (Instituto Superior de Psicologia Aplicada). Vamos ler juntos. Conceitos de trabalho tutorial em leitura e apresentação de alguns programas que utilizam o método. Como proceder. Os benefícios, os papéis, as responsabilidades e a avaliação dos seus efeitos em crianças e jovens [19 Out]
Nota Por razões de lotação a cada participante é permitida a inscrição e frequência numa oficina por dia, segundo a ordem de registo no Secretariado, que distribui as senhas de acesso. Algumas oficinas decorrem nas bibliotecas escolares e salas do Agrupamento de Escolas Aquilino Ribeiro e da Escola Secundária de Vila Nova de Paiva, sendo o transporte assegurado pela organização.
:: Exposições [até 30 Nov]
O Alfabeto dos Bichos. De André Letria, texto de José Jorge Letria Ynari, a menina das cinco tranças. De Danuta Wojciechowska, texto de Ondjaki Aquilino Ribeiro nas Terras do Demo. Rota dos Escritores do Século XX
Antes, no dia 29 de Setembro, Seminário <http://www.cm-vilanovadepaiva.pt/Documentos/Seminario.pdf> Digital divide ou a acessibilidade a serviços culturais na Sociedade da Informação

11 setembro, 2006

Farol de Sonhos 2006: Rumos e Luzes para o Livro Infantil Ilustrado


Decorrem entre 11 e 15 de Outubro de 2006 as Conferências do Farol, que, nesta edição, têm como tema Rumos e Luzes para o Livro Infantil Ilustrado.
O evento tem lugar na Biblioteca Municipal de Cascais - S. Domingos de Rana e integra o 1º Encontro sobre o Livro e o Imaginário Infantil.

Inscrições:

60 euros (inclui participação em todas as conferências, dois workshops e a oferta das edições)
Data limite: 27 de Setembro
Inscrições limitadas

A inscrição pode ser efectuada pessoalmente, por correio, por fax
ou e-mail, sendo validada com a confirmação do pagamento.

O cheque (à ordem de Associação Ver P’ra Ler), acompanhado de nome, morada, telefone, e-mail e profissão, deverá ser enviado para:

Conferências do Farol
Biblioteca Municipal de Cascais – S. Domingos de Rana
Rua das Travessas
Bairro Massapés
Tires – S. Domingos de Rana
2785-285 S. Domingos de Rana

Contactos da Biblioteca:
Tel: (+351) 214481970
Fax: (+351) 214481979
E-mail: biblioteca.sdomingos.rana@cm-cascais.pt

Horário:
2ª Feira das 13h00 às 19h00
3ª a 6ª Feira das 10h00 às 19h00
Sábado das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00

05 setembro, 2006

I Simposio Internacional de Universidades Leitoras - 6 e 7 de Novembro - Badajoz (Espanha)

Estimados colegas:

Informa-se de que estão abertas as inscrições para o I Simposio
Internacional de Universidades Leitoras a realizar nos dias 6 e 7 de
Novembro de 2006 no Palácio de Congresos de Badajoz (Espanha).
A informação está disponível em
www.unex.es/congresos/siul, de onde se pode fazer a inscrição on line.

Além do Simpósio presencial, há uma modalidade (paralela mas
independente quanto à inscrição e certificação) de Simpósio Virtual, de
interesse especial para quem não possam deslocar-se a Espanha, e ao qual
se podem apresentar comunicações que figurarão no correspondente livro de
Atas.

Para maior informação, podem dirigir-se a siul@unex.es
ou a
aele@asociacionaele.org

Público-alvo: professores, alunos e
possíveis interessados.

Contactos:

I SIMPOSIO INTERNACIONAL UNIVERSIDADES LECTORAS
Seminario Interfacultativo de Lectura
Facultad de Educación
Avda de Elvas, s/n
06071-BADAJOZ (ESPAÑA)

Tfno. 0034 924-289475 y Fax 0034 924-270215
siul@unex.es  y  aele@asociacionaele.org
www.unex.es/congresos/siul